DSC_0062

UNIMED VALE DO AÇO APRESENTA 1ª EDIÇÃO DA EXPOCOOP

O campus do Unileste se transformará em um grande espaço de empreendedorismo e solidariedade para receber a 1° feira do Cooperativismo de Coronel Fabriciano. Entre os dias 06 e 09 de julho o Vale do Aço sediará a Expocoop, feira do cooperativismo, associativismo e empreendedorismo mineiro. O evento é uma realização da Unimed Vale do Aço, Ocemg, Grupo Mais Vip e cooperativas da região.

“O cooperativismo é o modelo de negócio que mais ganha adeptos no mundo. Ele nada mais é que a junção de pessoas com ideais em comum, que além de se desenvolverem economicamente em um negócio, em uma empresa, também contribuem para o crescimento da sociedade, proporcionando inserção dos seus membros no mercado nacional e internacional, geração de empregos e a distribuição de renda na região onde está inserida. A ExpoCoop veio de encontro a esse crescimento e da necessidade de mostrarmos a nossa região a força do cooperativismo e o papel de grandes cooperativas no Vale do Aço”, explicou o diretor-presidente da Unimed Vale do Aço.

O evento ocorrerá no estacionamento da Unileste, em Coronel Fabriciano, em uma área de quase 8 mil metros quadrados. Serão mais de 50 expositores, que apresentarão seus produtos e serviços de 18h as 23h. Além dos estandes, em todos os dias do evento haverá shows. Os ingressos do evento podem ser adquiridos online pelo site: www.maisvip.com.br/ingressos ou nos postos de venda oficiais.

A entrada nos dias 6, 7 e 9, é mediante a apresentação do convite, distribuídos pelas cooperativas participantes, além de 1kg de alimento não perecível. Toda a arrecadação será destinada a instituições socioassistenciais do Vale do Aço, cumprindo o 7° princípio do cooperativismo, que é o interesse pela comunidade.

 

Unimed Vale do Aço

Para o ano de 2022, a Unimed Vale do Aço trouxe modernidade e exaltou sua excelência em seu estande. Com um espaço aconchegante, a singular enaltece a qualidade que o beneficiário Unimed encontra e mostra a força do cooperativismo médico.

 

“Montamos nosso espaço para as feiras em um contêiner, uma estrutura que une praticidade a sustentabilidade, uma solução em comunicação que reforça o nosso compromisso com o meio ambiente. Destacamos em nosso estande algumas das inúmeras qualidades da nossa cooperativa: nosso plano cinco estrelas. Isso porque somos o maior sistema de cooperativismo médico do mundo, estamos presentes em 86% do território nacional, temos uma rede de atendimento 100% privada, somos o plano de saúde mais lembrado pelos brasileiros, já que conquistamos o Top Of Mind 29 vezes consecutivas, e somos apaixonados por cuidar, com o Jeito de Cuidar Unimed. Paralelo a isso, montamos um espaço exclusivo aos nossos beneficiários, que são nossos clientes cinco estrelas e uma área para receber nossos médicos cooperados”, explicou Rogério Pedrosa, gerente comercial e de comunicação e marketing da Unimed Vale do Aço.

 

Dia C

O Dia de Cooperar (Dia C) foi criado pelo Sistema Ocemg, em 2009, com o objetivo de contribuir, através do voluntariado, com o desenvolvimento social das comunidades e transformar realidades, elevando a qualidade de vida das pessoas. O Dia C está alinhado ao 7º princípio cooperativista “Interesse pela Comunidade”, em prol de transformações sociais. Com abrangência nacional, o Dia C tem como tema “Atitudes simples movem o mundo”. No Vale do Aço, as cooperativas desenvolvem o princípio da intercooperação com a realização de projetos de responsabilidade social desenvolvidas pelo comitê de representantes das cooperativas da região.

 

A ExpoCoop, além de ser um espaço para cooperativas da região mostrarem seu modelo de negócio, também é uma grande corrente de solidariedade. Desenvolvendo o 6º princípio do cooperativismo, que é a intercooperação, as cooperativas do Vale do Aço no ano de 2022 completam 13 anos de atuação em comum no desenvolvimento de projetos de Responsabilidade Social. Cooperativas de diferentes ramos desenvolvem nesse ano o projeto “Intercooperação do Bem”, como uma proposta de mitigar os impactos da pandemia do Covid-19 nas instituições socioassistenciais do Vale do Aço, além de capacitar crianças e adultos no que se refere aos princípios e importância do cooperativismo.

 

Para a Expocoop, um estande especial do Dia C será montado. Fazem parte dele o Sicoop Cosmipa, Sicoob Credicom, Sicoob Vale do Aço, Sicoob Copesita, Consul e Unimed Vale do Aço

 

“O projeto Intercooperação do Bem tem por objetivo atender as demandas das comunidades do entorno das cooperativas do Vale do Aço em relação a saúde e bem-estar destes, bem como aplicar os princípios cooperativistas no que se refere na realização de ações de transformação social de maneira intensificada em período de pandemia. Desenvolvendo a colaboração, cooperação e a solidariedade entre todos os públicos envolvidos, nos unimos a outras cooperativas para desenvolver a responsabilidade social e impactar de maneira positiva cada vez mais pessoas”, explicou Kátia Brito, analista de RH da Unimed Vale do Aço.

 

Além da feira, a Intercooperação do Bem trará a comunidade duas palestras. A primeira será conduzida pela Storytelling Flora Manga, que de forma lúdica ensinará sobre o cooperativismo para aproximadamente 200 crianças da Escola Municipal Dom Leris Lara e Escola Municipal Maria da Penha Lima, ambas de Coronel Fabriciano. Já a segunda palestra será ministrada pelo assessor institucional do sistema Ocemg, Geraldo Magela da Silva, com o tema “Cooperativismo Instrumento de Geração de Trabalho e Renda”. O evento é aberto ao público e as inscrições podem ser feitas pelo (31) 3848-0523.

 

Sobre o cooperativismo

De acordo com o levantamento, atualmente, o Sistema Ocemg representa 800 cooperativas dos ramos crédito, agropecuário, consumo, saúde, trabalho, produção de bens e serviços, infraestrutura e transporte. Juntas, elas representam 11,6% do PIB mineiro, como atividades que contribuem efetivamente para o desenvolvimento econômico e social de Minas Gerais.

Tendo em vista que 2021 foi o segundo ano da pandemia de Covid-19 e o cenário nacional também apresentava inúmeras incertezas, as cooperativas apostaram em inovações, tecnologias e infraestrutura para seguirem crescendo e atendendo seus cooperados. E isso refletiu nos resultados: no ano passado, o número de cooperados foi de 2,1 para 2,4 milhões no Estado. Hoje, 33,6% da população mineira tem uma relação direta ou indireta com o sistema cooperativista.

 

Serviço

07/07: Palestra educativa sobre cooperativismo.

Horário: 09:00 às 10:30

Palestrante: Flora Manga ( Storytelling)

Local: Espaço Cinquentenário – Unileste

 

08/07: Palestra Cooperativismo Instrumento de Geração de Trabalho e Renda.

Horário: 16:00

Palestrante: Geraldo Magela da Silva

Compartilhe com um amigo

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email