JEAN WYLLYS

GILMAR INOCENTA JEAN WYLLYS EM AÇÃO DE DANO MORAL

O ex-deputado Jean Wyllys (Psol-RJ) foi inocentado na ação de danos morais movida pela deputada Bia Kicis (PSL-DF). A decisão do ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Gilmar Mendes libera Wyllys de pagar multa de R$ 40 mil. A indenização tinha sido definida pelo TJ-DFT (Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios).

Na época, Wyllys publicou uma foto de Kicis de quando ela era integrante do Movimento Social Foro de Brasília e procuradora do Distrito Federal. Na imagem, ela entregava um pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT) ao então presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (MDB-RJ). Na legenda, Wyllys escreveu: “Levanta a mão quem quer receber uma fatia dos R$ 5 milhões. E agora? Será que os pretensos guerreiros contra a corrupção repudiarão sua selfie mais famosa?“.

Kicis processou o então deputado por danos morais por considerar a publicação ofensiva. Ela pediu R$ 300 mil por prejuízos sofridos à sua reputação. Em 1ª Instância, a deputada perdeu a ação. Mas o TJ-DFT condenou Wyllys a pagar indenização de R$ 40 mil e retirar a publicação de sua página.

Compartilhe com um amigo

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Agenda de convergencia
Cenibra
Sindcomércio Vale do Aço
AAPi
WR
Unimed
Usiminas
Cenibra 02
Usisaude 2
Usisaude 1
Usisaude 3