2022.07 - Rio Doce (2)

CENIBRA PROMOVE TREINAMENTO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL

Nos meses de Junho e Julho, a CENIBRA capacitou 124 líderes de equipe e auxiliares com palestras e oficinas de educação ambiental. Os treinamentos foram ministrados nas três Regionais Florestais da Empresa: Rio Doce, Nova Era e Guanhães. O intuito é fazer com que os participantes multipliquem as informações recebidas para os mais de 3 mil empregados que atuam nas operações florestais.

Como parte das atividades do Programa de Educação Ambiental (PEA) da CENIBRA, os empregados participaram da palestra “Gestão Participativa Sustentável” e da oficina “SOS Ambiental”. Dentre os temas abordados, estão: ações e práticas sustentáveis, sustentabilidade, percepção ambiental, sensação de pertencimento e reciclagem e reaproveitamento de resíduos.

Gestão ambiental é um sistema que dá ênfase à sustentabilidade e incentiva o uso de práticas e métodos que reduzem ao máximo o impacto ambiental das atividades econômicas nos recursos da natureza.

O mesmo conteúdo foi ministrado para 778 empregados da Fábrica, em Belo Oriente. As comunidades também foram contempladas com realização de lives e oficinas, distribuição de cartilhas e divulgação de vídeos e postagens nas redes sociais da Empresa.

Para Sebastião Tomas Carvalho, especialista ambiental da CENIBRA e responsável pelos treinamentos oferecidos aos trabalhadores florestais, a capacitação de líderes é fundamental para a disseminação do Programa de Educação Ambiental na Empresa. “A partir de agora, esses líderes serão multiplicadores do PEA para todos os empregados do processo florestal”, explica.

O treinamento dos trabalhadores florestais marcou o encerramento do Ano I do PEA e o início do Ano II, o qual terá como tema principal os 7 R’s do consumo sustentável: Repensar, Recusar, Reduzir, Reaproveitar, Reutilizar, Reciclar e Recuperar.

O PEA é um compromisso assumido pela CENIBRA para a manutenção do licenciamento das operações industrial e florestal da Empresa. Trata-se de um conjunto de iniciativas e processos de ensino-aprendizagem que contemplam os trabalhadores e a população envolvida nas atividades industriais e florestais, proporcionando condições para que possam compreender como evitar, controlar e mitigar os impactos socioambientais, bem como fortalecer as potencialidades locais, fomentando uma concepção integrada do patrimônio ambiental.

Compartilhe com um amigo

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email