USIMINAS: PRESIDENTE REFORÇA SEGURANÇA COMO VALOR FUNDAMENTAL

A diretoria da Usiminas vem dando continuidade a comunicação direta com seus colaboradores da Usina de Ipatinga, com o objetivo de reforçar a importância das atitudes de cada um para garantir a segurança de todos. Em uma série de encontros hoje (23/08) com os empregados, o presidente da empresa, Sergio Leite, acompanhado do vice-presidente Industrial, Tulio Chipoletti, e do diretor da Usina, Roberto Maia, tratou do tema diretamente com cerca de 200 operadores de diferentes áreas, ouviu sugestões e esclareceu dúvidas dos colaboradores.

O executivo transmitiu à equipe as mensagens de apoio recebidas pela atuação da Usiminas em resposta às ocorrências registradas recentemente. “Em diversas ocasiões nos últimos dias, pessoas comentaram a ação rápida e séria da Usiminas para lidar com os desafios e manter as pessoas informadas. Passado o momento mais crítico, quero agradecer a todos pelo comprometimento, pelo trabalho competente e reiterar, de forma contundente, a segurança como valor fundamental da Usiminas”, afirmou Leite.

Em resposta a um colaborador, o executivo reiterou a segurança da operação dos gasômetros. Roberto Maia acrescentou que o projeto dos equipamentos da Usina já prevê os impactos em caso de ocorrências anormais. “Estudos desenvolvidos por empresas especializadas demonstram que as consequências no entorno da Usina são reduzidos, como se comprovou nesse evento, que segue em análise aprofundada para que a segurança possa ser continuamente melhorada”, completou.

A diretoria garantiu, ainda, que em nenhum momento a comunidade de Ipatinga esteve em risco e que o protocolo padrão já prevê o isolamento da área e o rápido corte do fluxo de gases, ao contrário do que acabou sendo divulgado em redes sociais, mesmo sem qualquer comprovação. “Somos os principiais comunicadores da Usiminas junto às nossas famílias, amigos e vizinhos. É importante estarmos sempre atentos às informações que recebemos para combatermos prontamente as notícias falsas que só causam apreensão na comunidade. Conversem com os gestores, perguntem se tiveram alguma dúvida e sempre consultem e divulguem nossos canais oficiais de comunicação para que as mensagens falsas não se propaguem. Nosso compromisso é sempre buscarmos a informação correta para compartilhar e esclarecer os fatos.”, recomendou Sergio Leite.