4994873

PRODUZINDO COM ACESSIBILIDADE 

Quando pensamos em acessibilidade, logo nos vem à cabeça rampas para que deficientes possam se locomover em segurança e intérprete de Libras para deficientes auditivos.  Mas a acessibilidade é muito mais que isso, é permitir que esse público também possa perceber e viver a experiência proposta pelo evento. 

Portanto, para uma breve reflexão lhe sugiro tentar se lembrar dos últimos eventos aos quais tenha participado e pensasse no quão eles foram acessíveis e confortáveis. Como você se sentiu?

“Do total da população brasileira, 23,9% (45,6 milhões de pessoas) declararam ter algum tipo de deficiência. Entre as deficiências declaradas, a mais comum foi a visual, atingindo 3,5% da população. Em seguida, ficaram problemas motores (2,3%), intelectuais (1,4%) e auditivos (1,1%)”, segundo dados da Fundação Dorina Nowill.

Diante de dados como esses temos que entender que proporcionar a acessibilidade é ter empatia, é permitir a esse público uma experiência marcante e inesquecível.

Sabemos que um evento com total acessibilidade é um tema polêmico e caro, mas onde tem dificuldades também haverá espaço para soluções. Devemos pensar que ao investir na diversidade de nichos em eventos, você fará a diferença dentro de seu segmento. Percebendo a grande necessidade de informação a respeito do tema estará se realizando duas lives sobre o tema “Produzindo com Acessibilidade”. Os temas serão direcionados para produtores como: orientações de como obter o selo de acessibilidade em seu evento cultural e como fazer a informação chegar no público alvo de forma assertiva, a forma que o produtor deve organizar sua equipe e espaço adequado para receber as pessoas com deficiência em seus eventos . Portanto não perca essa oportunidade de se informar através da live que contará com a participação de profissionais que estão totalmente inseridos dentro do tema que serão Tailles Heliodoro (produtor) , Sumara Fernandes (Pedagoga e Pós graduada em Educação Especial e Inclusiva) e Viviane Laranjo (Pedagoga,Pós Graduada em Psicopedagogia e Intérprete de Libras)

Serviços:
25/06 – 19h – ” A forma que o produtor deve organizar sua equipe e espaço adequado para receber as pessoas com deficiência em seus eventos”

26/06 – 16h – “Como obter o selo de acessibilidade em seu evento cultural e como fazer a informação chegar no público alvo de forma assertiva”

Ao vivo no instagram: www.instagram.com/socialyteoficial/live/

Compartilhe com um amigo

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Agenda de convergencia
Cenibra
Sindcomércio Vale do Aço
AAPi
WR
Unimed
Usiminas
Cenibra 02
Usisaude 2
Usisaude 1
Usisaude 3