POCHETE, DE CARA NOVA. ADORO!

O preconceito vem dos anos 70, quando a pochete enfeitava/enfeiava a cintura de figuras pra lá de cafonas, muitas delas homens vestindo calças semi-bags… De lá pra cá, a bosinha amarrada à cintura como um cinto passou anos no ostracismo, mas retorna triunfante, transformada em acessório cult e cool.

Eu, particularmente, adoro. E explico: a pochete é prática e segura até! Em tempo de mãos leves levando cartões de crédito, dinheiro e celulares caríssimos das bolsinhas, principalmente em baladas lotadas, ela garante a segurança dos pertences, já que está agarradinha no corpo, e pela frente.

Além disso, venhamos e convenhamos: tem cada uma mais linda que a outra, e são perfeitas para compor looks que vão do mais tradicional ao mais descolado. Vejam minha seleção: