PATROCÍNIO DA CENIBRA LEVA CONTÉM CULTURA AO BUGRE

O projeto Contém Cultura inaugurou, na tarde de sexta-feira, mais uma sala multicultural, a terceira, que fica na praça Padre Francisco Weber, no centro da cidade.

O evento foi aberto pelo prefeito do Bugre, Jordão Viana Teixeira. Em seu pronunciamento, o chefe do Executivo agradeceu à produção do Contém Cultura por escolher o município para receber a sala multicultural, e à Cenibra, por patrocinar a iniciativa, via Lei Federal de Incentivo à Cultura.

O Diretor-Presidente da Cenibra, Naohiro Doi, apresentou o projeto como um  “espaço cultural dedicado à cidadania, para promover entretenimento e integração, resgatando os valores culturais do país e região”.

Naohiro Doi falou do poder transformador da cultura que,  “quando usada para o bem,  fortalece a identidade de um povo e impulsiona a todos a um desenvolvimento humano essencial para obter-se a melhoria da qualidade de vida nas demais áreas da sociedade”.

O  Diretor-Presidente da Cenibra destacou o apoio a outros setores, como da educação, saúde, meio ambiente, desenvolvimento econômico, sociocultural, esporte e cidadania, nas cidade de atuação da empresa de celulose, que, por meio do seu instituto, mantém  mais de 50 projetos sociais distribuídos por  54 municípios de Minas Gerais.  As ações,  segundo observa Naohiro Doi, impacta positivamente um público estimado em mais de 100 mil pessoas.

A proponente do Contém Cultura, Luciana Profiro, sublinhou que o Contém Cultura vem tirar o Bugre das estatísticas que indicam que apenas 10% das cidades brasileiras possuem uma sala de cinema.

Luciana enfatizou que a sala do projeto privilegiará filmes nacionais e, além das sessões cinematográficas, oferecerá oficinas de artes, dentre outros eventos culturais. As atividades serão coordenadas pela produção do Contém Cultura por dez meses. Após esse período, o espaço é entregue à comunidade, por meio da Secretaria Municipal de Educação.

MÚSICA

Uma das atrações da inauguração foi a apresentação dos alunos de música do projeto Recriando Vidas com Arte e Cultura, que interpretaram composições brasileiras bem conhecidas do público, como Asa Branca, de Luiz Gonzaga.

O projeto conta com o apoio da Cenibra, que contribui com a formação musical dos jovens, objetivando a promoção da inclusão social do grupo a partir da música.

SERVIÇO

As sessões de cinema são gratuitas, e os ingressos podem ser retirados na Secretaria de Educação do Bugre, de segunda a sexta-feira, de 9 às 17h.

Fotos Raquel de Carvalho e Goretti Nunes