NOTA DE REPÚDIO

Nessa madrugada foi executado um policial militar da reserva que trabalhava como segurança do Posto Falcão Azul (Periquito). O nome da vítima é Djalma Benedito Conceição e ele foi surpreendido por dois suspeitos que aparentemente residem na invasão do MST em Periquito. Os executores fugiram levando a arma do vigilante.

Este é mais um dos crimes na região, ligando os invasores como responsáveis pelos atos. Recentemente, aconteceram furtos de veículos, que foram apreendidos na área da invasão.

O fato reforça a situação de caos social que uma invasão instaura na sociedade… Além disso, uma visita do Conselho Estadual dos Direitos das Crianças e Adolescentes ao local verificou crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social e sem acesso à escola.

Outro fato correlato: no último dia 26 de janeiro a PMMG prendeu GILBERTO CARVALHO DA SILVA, com mandato de prisão expedido em 03/03/2016. Esse indivíduo foi localizado na invasão de Periquito, fazendo a segurança armada dos invasores.