NÓS E NOSSAS BOLSAS

Vestir-se conforme a bolsa parece uma incongruência. Como? Ela não é acessório? É, mas nos últimos anos ganhou status de primeira a ser vista quando o look tá pronto. O start foi dado pela Louis Vuitton, que lançou bolsas de todas as formas com seu famozérrimo monograma (elas são de tão boa qualidade que há nos uso a minha e ela continua linda e loura!!!). Chanel também é famosa pelas suas, com os Cs invertidos.

E, para compor produções despojadas, descobriu-se as wayuu, colombianas capazes de combinar com looks urbanos e peças de pegada rocker ou pop. Adorei! Querem ver?