MAS HOJE É DIA DA ÁRVORE

Tão útil, mas também tão vilipendiada, destruída em m2/por segundo, conforme estimativas d tão esplêndida em sua majestosa formação de acolhimento e abraço.
Os graves incêndios florestais que enfrentamos no Brasil têm grande relação com as mudanças climáticas e ambos problemas pedem fortes medidas de proteção às florestas