INSTITUTO CENIBRA REÚNE COLMEIA

Nesta terça-feira-6/12, na Casa de Hóspedes da Cenibra, o Instituto CENIBRA reunirá representantes das 13 das Associações que utilizam áreas da Empresa para produção de mel, via Projeto de Parceria com Apicultores. O encontro tratará de assuntos estratégicos de manutenção da parceria e fortalecimento da atividade de apicultura, bem como análise de mercado de caminhos possíveis para enfrentar os desafios da atividade.
Atualmente, são beneficiados 500 produtores pelo projeto que conta com o apoio técnico da Empresa de Assistência Técnica Rural do Estado de Minas Gerais (EMATER). Do ponto de vista ambiental, os apicultores, que têm na Natureza a fonte de matéria-prima, colaboram com a CENIBRA na proteção do corte ilegal de madeira nativa, caça e pesca predatória. Os apicultores têm os seus apiários com localização georreferenciada e circulam pelas áreas da empresa com crachá de identificação e selos nos veículos.
O Instituto mantém contratos de parceria rural com as associações de apicultores de Santa Bárbara (COOPERMEL e Mel Santa Bárbara), de Barão de Cocais (APIBARAO), do Vale do Aço (AAPIVALE), de São Gonçalo do Rio Abaixo (APISGRA e SAAD), de Rio Piracicaba (APIMEL), de Virginópolis (APIVIR), de Sabinópolis (APISABI), de Rio Vermelho (APIRIO), de Itabira (APITAR), de São Domingos do Prata (AAPISPRATA) e de Coluna (APICOL). Por meio do contrato de parceria, é permitido o acesso e uso de áreas de florestas nativas e próximas a plantios de eucalipto para instalação de apiários. O projeto possui grande significado social, econômico e ambiental, pois cria novos postos de trabalho que geram renda alternativa.