INSTITUTO CENIBRA: PARCERIAS VIABILIZAM CAPACITAÇÃO

A parceria entre o Instituto CENIBRA, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Minas Gerais (Senar-MG) e a Associação Apícola de Belo Oriente (Aapibelo) ofereceu, ao longo de 2019, diversos cursos de capacitação profissional e promoção social para moradores das comunidades de Belo Oriente. A iniciativa tem o objetivo de incentivar a permanência da população no campo, por meio da melhoria da qualidade de vida e do aprimoramento profissional.

O último curso realizado foi o de artesanato com fibra de bananeira, na comunidade de Bom Jardim. Com duração de 40 horas, o curso ensinou aos participantes como lidar com a fibra, desde o colhimento à confecção dos produtos. A fibra de bananeira é reconhecida por sua durabilidade e resistência, que permitem a produção de diversos utensílios, artefatos e enfeites para uso doméstico, favorecendo o desenvolvimento sustentável.

Na parceria, o Instituto CENIBRA disponibiliza recursos materiais que viabilizam os cursos, o Senar-MG fornece os instrutores técnicos que ministram as aulas e a Aapibelo faz o levantamento das necessidades dos moradores e a organização dos eventos.

Segundo o produtor rural José Afonso Coelho, mobilizador do Senar-MG em Belo Oriente, os critérios utilizados para a implantação dos cursos levam em conta o interesse da comunidade, a vocação socioeconômica de cada local e a rentabilidade dos produtos. “Nós oferecemos os cursos para os moradores das comunidades e esperamos que eles deem prosseguimento ao conhecimento adquirido”, explica.

Durante 2019, além de realização de campanhas sobre saúde, vários cursos foram oferecidos, como pintura, operação de máquinas agrícolas, nutrição equina, combate a incêndios e construção de currais.

Até o fim do ano, estão previstos mais dois cursos, um sobre cuidados básicos com idosos e outro sobre artesanato de quitanda. O primeiro tem grande enfoque social, enquanto o segundo é focado em questões de saúde e higiene. Já os cursos para 2020 ainda serão definidos.