FUNDAÇÃO APERAM ACESITA E ÁGAPE RECEBEM PRÊMIO DO ICM

Com mais de 10 anos de história numa trajetória de sucesso, a parceria entre a Fundação Aperam Acesita e a Coopermassas Ágape vem rendendo bons frutos. Muitos projetos já foram desenvolvidos e agora é a vez de colocar a mão na massa mais uma vez. A Coopermassas foi indicada pela Fundação para participação no Prêmio Consulado da Mulher de Empreendedorismo Feminino, e, junto com outras 10 instituições de todo o Brasil, compõe o seleto grupo dos empreendimentos vencedores. O resultado da seleção foi divulgado na última semana e o evento de premiação e primeiro Encontro de Formação será realizado em São Paulo, no mês de Setembro de 2018.

A 6ª edição do Prêmio, realizado pelo Instituto Consulado da Mulher, tem como objetivo reconhecer e apoiar empreendimentos protagonizados por mulheres de todo o Brasil no ramo de alimentação. Para participarem, os empreendimentos devem possuir um parceiro local, que terá acesso a metodologia de Gestão de Empreendimentos Populares para que possa assessorar o grupo visando o crescimento e expansão do mesmo.

Fundada há 18 anos, a Coopermassas Ágape é uma cooperativa de mulheres, composta em sua maioria por donas de casas com o desejo de viabilizar alternativas de incremento da renda familiar. Um grande motivador da iniciativa foi o fato das mulheres identificarem na cooperativa uma oportunidade de emancipação e superação de preconceitos decorrentes da dependência financeira dos maridos. Outra oportunidade considerada foi a de inserção e reconhecimento social.

Com o Prêmio, a cooperativa promoverá melhorias no processo de comercialização e implementação de práticas mais adequadas às orientações da Vigilância Sanitária/Anvisa; otimização do processo de produção para fins de congelamento dos produtos alimentos semi- prontos e assessoria nas áreas administrativa e nutricional para operacionalização comercial (marketing) a fim de a dar mais visibilidade à instituição.

Para a coordenadora de projetos da Fundação Aperam Acesita, Neide Morais, essa é uma oportunidade ímpar para o prosseguimento do projeto. “Queremos mostrar a essas mulheres que elas podem ser donas do seu próprio futuro, independente da sua condição financeira ou qualidade de vida”.

Para o presidente da Fundação Aperam Acesita, Venilson Vitorino, o Prêmio é o resultado de um trabalho sério desenvolvido pela Coopermassas Ágape, em parceira com a Fundação. “Desde 2008, acompanhamos o trabalho da Coopermassas Ágape. A Fundação decidiu apoiar essa iniciativa com a missão de promover, capacitar e empoderar essas mulheres que contam com importantes ferramentas para isso, sua habilidade, competência e dedicação”.