FORA DE LUGAR

Estamos vivendo um susto, ainda não digerimos o perigo que nossa vida corre de se acabar num espirro.

“Nada será como antes… amanhã” . E, deixando de lado meu destempero protegido por quatro paredes, criei a ilusão de que tudo pode – e deve – estar fora do lugar.

Mas, o que isso importa? Tomo o café da manhã às 11, almoço às quatro da tarde e nem janto: como sementes e chocolate, de vez em quando um corn flakes com leite condensado.

Substituí minhas montagens business por moletons folgados, porque não vou a nenhum evento e tenho que ficar 24h em casa…

No jogo dos sete erros, nada é errado, tudo é lindo.

Divirtam-se!