De que você está falando quando fala de cabelos? São os seus, os que você gostaria de ter? O que a amiga tem e você (secretamente) inveja? O que – nem pensar – você teria coragem de cortar?

O lance que faz pensar – mil vezes – quando se quer mudanças é que demora a voltar… mas hoje, queridinha, não há alongamento que não dê jeito no que uma tesoura nervosa fez, nem coloração que não substitua aquele vermelho que lhe caiu tão mal!

Inspire-se em minhas ideias: